Ética I
EMail

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA
CENTRO DE FILOSOFIA E HUMANAS
DEPARTAMENTO DE FILOSOFIA
DISCIPLINA: ÉTICA I
PROF. DR. DARLEI DALL'AGNOL


Objetivos da disciplina:

a)      fazer uma introdução geral aos principais problemas da ética filosófica distinguindo problemas metaéticos (por exemplo, cognitivismo versus não cognitivismo), teorias normativos (éticas teleológicas, deontológicas etc.) e questões de aplicação (problemas bioéticos etc.);

b)      analisar os principais autores e temas centrais da ética antiga e medieval, principalmente, a questão da relação entre virtude e felicidade a partir da ética aristotélica;

c)      discutir criticamente a importância atual de uma ética de virtudes.

 

Conteúdo programático:

1 – Introdução à ética: a Filosofia da Moral; a tradição ética ocidental e as éticas orientais (budismo, etc.); a distinção entre metaética; ética normativa e prática; teorias teleológicas e deontológicas da ética; as perspectivas da ética de virtudes.

Leitura recomendada: Frankena – Ética (Capítulo 1)

2 – Sócrates e a origem da ética filosófica: a busca de definições e de príncipios universais; a crítica aos sofistas; o método da ironia e da maiêutica; alguns princípios da ética socrática.

Leitura recomendada: Platão- A Apologia de Sócrates

3 – A ética platônica: a teoria das Formas e da ideia de Bem; o mito da caverna e a questão da duplicação ontológica; a tentativa de fundamentação metafísica da ética; a inadequação da linguagem e a transcendência.

Leitura recomendada: Platão: A República (Livro VI)

4 – A ética aristotélica: a eudaimonía (felicidade) como fim último e bem humano supremo; a relação entre ética e política; as diferentes formas de vida e o argumento da função (ergon); a crítica à concepção platônica de Bem; a caracterização da felicidade.

Leitura recomendada: Aristóteles –Ethica Nicomachea- Livro I

5 – A definição de virtude: seu genus (estado de caráter) e differentia (disposição de escolher o justo-meio); a aparente circularidade entre o habituar-se e o ser virtuoso; a relação entre virtude e prazer.

Leitura recomendada: Aristóteles –Ethica Nicomachea –Livro II

6 – As virtudes morais: as condições (ontológica, volitiva e epistêmica) de responsabilização moral e do agir virtuoso; a coragem, a temperança e as outras virtudes morais.

Leitura recomendada: Aristóteles –Ethica Nicomachea – Livros III e IV

7 – A justiça: a legalidade e a igualdade enquanto noções centrais; as idéias de imparcialidade, de proporcionalide, de mérito e da eqüidade; a justiça distributiva e a retributiva.

Leitura recomendada: Aristóteles –Ethica Nicomachea – Livro V

8 – As virtudes dianoéticas (intelectuais): as diferenças entre a ciência, a arte, a prudência e a sabedoria; as outras virtudes intelectuais; o problema da acrasia.

Leitura recomendada: Aristóteles – Ethica Nicomachea – Livros VI e VII

9 – A amizade: os tipos de amizade (baseados na utilidade ou no prazer ou na virtude); as relações entre justiça e amizade; a justiça e a política.

Leitura recomendada: Aristóteles – Ethica Nicomachea – Livros VIII e IX.

10 – A eudaimonía: porque o prazer não é “o bem”; a distinção entre felicidade perfeita e não-perfeita; a lugar da teoria na vida feliz – a interpretação inclusivista; a passagem da ética à política.

Leitura recomendada: Aristóteles – Ethica Nicomachea – Livro X

11 – O Epicurismo: observações introdutórias; o prazer como princípio e fim do viver; a ataraxia; a origem e o fim da amizade.

Leitura recomendada: Epicuro – Antologia de Textos

12 – A ética estóica: observações introdutórias; a razão, as virtudes e a felicidade do sábio estóico; a apatia; o viver conforme a natureza.

Leitura recomendada: Sêneca e Marco Aurélio – Textos Selecionados

13 – A ética cristã: o amor como fundamento do cristianismo em Jesus e em Agostinho; as vias da existência de Deus em Tomás de Aquino; o problema da relação entre razão e fé e a distinção entre uma ética racional e uma ética dogmática.

Leitura recomendada: Agostinho -Confissões – Livro XIII

14 – A reabilitação atual da ética aristotélica: a fenomenologia das virtudes de Scheler e a phronesis na tradição hermenêutica de Gadamer; a ética das virtudes na filosofia anglo-americana (MacIntyre).

Leitura recomendada: Tugendhat – Lições sobre Ética – Décima Lição

 

Avaliação

Duas provas em datas a serem marcadas.

 

Bibliografia Básica (outras indicações serão fornecidas durante o curso)

ARISTÓTELES(1942) Ethica Nicomachea (Trad. Portuguesa – Brasília: UnB).

EPICURO, SÊNECA et alli. (1980) Antologia de Textos. São Paulo: Abril Cultural.

FRANKENA, W. (1980) Ética. Rio de Janeiro: Zahar Editores.

GÓMES-LOBO, A. (1989) La ética de Sócrates. México: Fondo de Cultura Económica.

JOACHIM, H. (1951) The Nicomachean Ethics. Oxford: Clarandon Press.

MacINTYRE, A. (1985) After Virtue. London: Routledge.

PLATÃO (1980) Apologia de Sócrates. São Paulo: Abril Cultural.

___. (1996) A República. Lisboa: Calouste Gulbenkian.

ROSS, D. (1995) Aristóteles. London: Routledge.

RORTY, A. (1980) Essays on Aristotle’s Ethics. Berkeley/Los Angeles: University of California Press.

TUGENDHAT, E. (1994) Vorlesungen ueber Ethik. Frankfurt: Suhrkamp. (Trad. Portuguesa – Petrópolis: Vozes).

Facebook Twitter